Resultados do Grande Prêmio da IBJJF, vídeo: Tainan Dalpra e Victor Hugo vencem muito antes de campeonatos mundiais

Um dos maiores finais de semana do ano para a Federação Internacional de Jiu-Jitsu Brasileiro foi encerrado com dois torneios profissionais de Grand Prix, cada um pagando US$ 20.000 ao vencedor. O GP dos pesados ​​contou com Victor Hugo do Six Blades Jiu-Jitsu, Gustavo Batista da Atos, Fellipe Andrew da Alliance e Mahamed Aly do Team Lloyd Irvin. O GP dos médios contou com Otavio Souza da Gracie Barra, Jonnatas Gracie da Atos, Tainan Dalpra do Art do Jiu-Jitsu e Renato Canuto da Checkmat. Esses parênteses serviram como um grande precursor para os campeonatos mundiais, que acontecerão em Anaheim, na Califórnia, de 9 a 12 de dezembro.

Tainan Dalpra continua brilhando como estreante faixa-preta

Desde que recebeu a faixa-preta, há pouco mais de um ano, Tainan Dalpra competiu em todas as oportunidades possíveis na tentativa de se firmar como o melhor peso médio do mundo. Antes do grande prêmio, Dalpra acumulou um recorde de 30-1, competindo em Torneios Abertos da IBJJF e vários shows de superlutas. Seu primeiro adversário no Grande Prêmio foi Renato Canuto, um grappler conhecido por seu estilo acrobático e vontade de se desafiar sob qualquer conjunto de regras de grappling. Dalpra começou o jogo puxando a guarda e rapidamente tirou Canuto de sua posição de riva preferida. Canuto respondeu bem e conseguiu raspar logo de cara, empatando o placar. A partir daí, tudo era Tainan Dapra. Ele raspou Caunto novamente e depois manteve a pressão pelo resto do jogo. Apesar de Canuto ter mostrado grande capacidade de segurar a guarda, a pressão de Tainan foi demais, pois conseguiu um passe de guarda no último minuto do jogo e fez 7 a 2 para a vitória.

Na final, Tainan enfrentou o representante da Atos e ex-companheiro de equipe Jonnatas Gracie. Antes da separação entre Art of Jiu Jitsu e Atos, os dois passaram um tempo treinando juntos nas academias um do outro. Em sua primeira luta, Gracie derrotou o tricampeão mundial da IBJJF Otavio Sousa de Gracie Barra por decisão do árbitro. Na final, Tainan voltou a iniciar a luta com um empate de guarda, desta vez procurando reverter e passar pelas costas de Gracie. Gracie conseguiu defender as afinações iniciais, acabando por se levantar e puxar para a guarda. A partir daí, Tainan rapidamente se moveu ao redor das pernas de Gracie, forçando-o a conceder uma passagem de guarda ou abaixar as costas. Gracie optou pela última estratégia e Tainan aproveitou, colocando a chave na gola e garantindo o estrangulamento aos três minutos e meio da partida. Com a vitória, Tainan melhorou seu recorde de faixa-preta para 32-1 e garantiu seu status como um dos melhores pesos médios do mundo.

Victor Hugo usa habilidades de pressão e finalização para nocautear pesos pesados

Na primeira rodada do GP dos pesados, Victor Hugo, do Six Blades Jiu-Jitsu, enfrentou Gustavo Batista, da Atos. Victor tinha uma vantagem de altura bastante distinta neste jogo e a usou perfeitamente para manter Batista na defensiva o tempo todo. Após um processo de sensação nos pés, Batista puxou a guarda e procurou chegar à sua posição preferida em uma perna em x. Embora Victor não tenha conseguido um passe da guarda, ele manteve o movimento de Batista sob controle e venceu com um pênalti que Batista recebeu por uma pega ilegal no início do jogo.

Na final, Hugo enfrentou Mahamed Aly do Team Lloyd Irvin. Aly é Campeão Mundial Faixa Preta 2018 da IBJJF que, embora não tenha competido muito este ano, estava em ótima forma. Ele nocauteou o Campeão do Pan Absoluto de 2021 Fellipe Andrew nas semifinais em uma partida de ida e volta que viu a guarda de Aly passar limpa como sempre. Na final, Victor Hugo imediatamente puxou a guarda. Victor usou sua flexibilidade e jogo de fundo baseado em movimento para configurar uma chave de pé em Aly. Apesar de ter conseguido defender a finalização por quase um minuto, Victor aos poucos ajustou a pegada no pé e deu o tapa verbal com dois minutos e meio de luta.

O próximo grande torneio da IBJJF será o Campeonato Mundial de 9 a 12 de dezembro em Anaheim, Califórnia.

Leave a Comment