Yancy Medeiros aproveita retorno ao Havaí

HONOLULU — A estreia de Yancy Medeiros no Bellator foi um sucesso — e não poderia ter chegado a um lugar e lugar mais significativo para ele.

Diante de sua torcida, Medeiros (16-8 MMA, 1-0 BMMA) venceu Emmanuel Sanchez (20-8 MMA, 12-7 BMMA) por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27) e deixou o Centro Neal S. Blaisdell, incluindo seu amigo Nate Diaz, em frenesi.

Desde o sino de abertura, Medeiros e Sanchez acertaram. Quando Sanchez tentou derrubar Medeiros, ele defendeu com sucesso – tema para o restante da luta. Sanchez teve seus momentos no departamento de trocação, como ele repetidamente sacudiu Medeiros com seus socos. Os chutes de perna de Sanchez estavam no ponto.

As coisas correram bem para Sanchez a cada rodada até que não deram mais. Medeiros reagiu com seus chutes marcantes e aterrissou. No último round, Medeiros apontou para o centro do cage e os dois o acertaram. As trocas se voltaram para Medeiros, que acabou vencendo a luta.

A luta foi única para Medeiros, que se desligou do UFC em 2021. A vitória quebrou uma derrapagem de quatro lutas para o lutador nascido em Oahu e pode abrir novas oportunidades com o Bellator.

Quanto a Sanchez, a derrota é a quarta consecutiva. Sanchez subiu para o peso leve para esta luta depois de várias tentativas fracassadas de cinturão dos penas.

  • Yancy Medeiros bate. Emmanuel Sanchez por decisão unânime (29-28, 30-27, 30-27)
  • Goiti Yamauchi derrota. Levan Chokheli por finalização (chave de braço) – Round 1, 3:49
  • Bobby King ganhou. Keoni Diggs por decisão dividida (29-28, 28-29, 30-27)
  • Dayana Silva derrota. Janay Harding por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
  • Justin Gonzales derrota. Kai Kamaka por decisão dividida (28-29, 30-27, 29-28)
  • Lance Gibson Jr. def. Nainoa Dung por decisão unânime (30-26, 30-25, 30-25)

Leave a Comment